curitibasocialmedia2014

Hey gente boa! Beleuza? Pois então, semana passada fui no Curitiba Social Media, em Curitiba (aaaah, sério Fiama? Não me diga, haha).

Esse evento promove palestras com grandes personalidades entendidas do assunto internet. Blogueiros, vlogueiros, twitteros, escritores, fotógrafos, e por aí vai! A intenção é envolver assuntos de diversos processos que fazem parte da blogosfera.
Foram dois dias de palestras e workshops, e por lá ví de pertinho pessoas conhecidas na internê e que foram muito atenciosas com o público!

Depois de cada palestra os queridões da Galera partiam para o “hall da fama” - entrada do evento – para tirar fotos, bater um papo com a galera, dar autógrafos e retribuir um pouquinho desse carinho com quem acompanha o trabalho de cada um deles.

csm201402

Felipe Castanhari – “Nostalgia”  ; PC Siqueira  – Mas poxa vida csm201403

csm201404

A Blogueira e escritora Bruna Vieira também esteve por lá junto com Eduardo Spohr, Frederico Elboni e Affonso Solano no Painel “Literatura e Internet”csm201405

Maurício CID e Equipe – “Não Salvo”

O CID é uma graça gente! Super simpático com a galera, engraçado e super desenvolto no palco, hahaha! Foi legal esse painel.

csm201406

Magalzão – “Porta dos Fundos” #Patrícia Reis  – “Pathy que te pariu” e pessoal do Galo Frito!

csm201408

csm201407

Aaaah, também ví várias blogueiras por lá, como a Melina, do A Series of Serendipity :) Uma graça de pessoa!

melina2

Por um acaso alguém aí também estava no #CSM14? :)

Compartilhar
dstq_viagem

Viajar é algo que faz bem pra alma né? Desencanar da rotina, esquecer um pouco os problemas e apenas viver aquele momento. Aquela parada na banquinha de beira de estrada, ou apenas observar a paisagem. Quando viajei nas minhas férias fiquei pensando nisso, quantas coisas legais você vê em uma viajem. E por isso, separei 10 coisas aleatórias desses momentos divertidos. Símbora conferir? 

  • Havan. Minha filha, vai dizer que não é verdade? Havan tem uma a cada 100 metros. Tô mentindo? haha!

havan-viagem

  • Obras. Mas que cargas d`agua sempre tem alguma obra na estrada quando você inventa de viajar. Até parece que você gosta de pegar aquele trânsito. Só que não!

viagem-transito

  • Bolas de basquete nos fios de luz. hahaha! Quando eu era criança eu achava isso. Eu não encontrava um sentido pra aquilo existir. =) Mas na verdade servem para sinalização e também como isolantes para os fios não se tocarem.

bolas-nos-fios-de-luz

  • Placa de cidades que você nunca ouviu falar. Oxi, eu lembro de ter visto “Califórnia” em pleno Paraná! Achei lindo.

california parana placa

  • Paisagens que  você nem se lembrava que existiam.

paisagem-viagem

  • Frases de caminhão. Aquelas frases engraças, ou apenas “poéticas” com a grafia errada :)

frasecaminhao

  • Lembrancinhas . Algo que lembre os bons momentos de uma viagem.

SONY DSC

  • Corrida Maluca. Sim, sempre “tem” aqueles loucos que correm mais do que o Rubens Barrichello, ou talvez um pouco mais, hehe.

pessoas-dirigindo-loucas

  • Sotaques. Coisa legal né? Eu reparo muito nisso e acho lindo quem tem sotaque. Não perca seu sotaque, tá?

sotaques-diferentes

 

Compartilhar
dstqitaopolis

Sabe que antes eu pensava “Nossa, deve ser muito massa ir para tal praia”. Claro, realmente é legal, mas confesso que tenho gostado tanto de conhecer cidades pequeninas. A cultura, o sotaque, a arquitetura, o cotidiano. Principalmente cidades do interior, aquelas mais rurais com um toque de urbanização.  É tão incrível quando você para para observar essas particularidades de cada lugar, a maneira com que levam a vida, a felicidade estampada nos olhos daqueles que riem de algo que eu não sei, mas que é singelo e admirável. Como eu pude algum dia imaginar que a felicidade não esta no que se tem, mas com quem está.

Ví pessoas trabalhando em algo somente para ganhar dinheiro, mas eles não se importam, porque a felicidade desses é estar nos finais de semana com a família ou reunidos no final da tarde para tomar um chimarrão. Muitos filhos talvez não seja o sinônimo de não ter o que fazer, mas sim de progredir e tornar essa felicidade ainda mais repleta de alegria. Pessoas ricas no bolso e simples de coração, de alma. Humildade em rico e em pobre. As vezes só nos mais humildes. Mas é assim mesmo, a peculiaridade e a estranheza do mundo paralelo sempre existem.

Itaiópolis, uma cidadezinha localizada em Santa Catarina com aproximadamente 30 mil habitantes. Um lugar em que passei grande parte da minha infância. Ví amigos casando e vizinhos se mudando, alguns conhecidos faleceram e pessoas boas deram o adeus ao viver. Agora nas minhas férias retornei para a cidade e me encantei. Lembrei de casos e causos da minha infância, da nostalgia de passar em lugares que antes eram comum ao meu cotidiano, todos os finais de semana eu e minha família estávamos por lá.

itaiopolis

fiamaitaiopolis06

fiamaitaiopolis07

fiamaitaiopolis08

 Essa igreja é simplesmente linda, maravilhosa e eu ví em cada gravura, cada pedaço da pintura, uma história. Me lembrou obras de grandes artistas, como da Capela Sistina. Claro, alí é algo mais simples, mas tão lindo que eu me senti realmente iluminada naquele ambiente, mesmo já tendo conhecido durante a minha infância. Mas agora foi diferente, agora eu entendo ainda mais o significado da fé. Foi incrível. Me encanto com ambientes de arquitetura antiga, rústica e original com aquele toque artístico que faz meu coração bater mais forte, de verdade. Acho que em outras vidas eu vivia isso intensamente, juro, parece que isso faz parte de mim.

fiamaitaiopolis02

fiamaitaiopolis04

fiamaitaiopolis03

igrejasaojoa

fiamaitaiopolis05

Essa é a Mel, uma de nossas cachorrinhas. Como é incrível o amor que os cachorros tem para com quem é bom. Eu sei que sou uma pessoa boa, que deseja e faz o bem para os outros. No primeiro encontro com elas eu já me senti ainda mais amada e feliz. Dá pra acreditar? Talvez não, mas se você está se sentindo triste aí, deita lá no quintal e vai ver que seu animalzinho vai sentir o que você está sentindo e vai até você, transmitir alegria e estar do seu lado, sem pestanejar.

dogefiama

Ahh, acordar cedo sem despertador e ao som dos passarinhos, quero mais disso.

ameiessafoto2

Ou talvez eu precise apenas sorrir para o que eu não via com o coração, aquilo que eu via mas não enxergava. Como admirar um sorriso de algum estranho, dar mais atenção para quem a gente ama, e quando o stress bater na porta, sair do meu mundo e tirar alguns minutos para fazer “nada”, o meu corpo precisa disso, e o seu também, vai por mim.

Escrevendo esse post ao som de Enya, nada mais gratificante do que ter você aqui, sabendo um pouco mais do meu sentimento e dessa viajem que me renovou. :) Talvez eu precise mais disso, sair do meu mundo, esquecer os problemas e lembrar que há felicidade em mim, só preciso encontra-la, todos os dias, e que em outros lugares ela é vivida diariamente, talvez com mais simplicidade e até mesmo com mais intensidade.

fiamavestidobrancopeb

 

Compartilhar